O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




segunda-feira, 15 de novembro de 2010

SoL nA LuA





explodE
cOrdão
miaSma
sábAdo
ArteFato
duvidOso

naS
Nati-morta 
basaL
Espectro
coRpo
iMovél

faZenda
bombA
dEsminta
hoRas
diminUtas
pLenilúnio

lobO
uivaNdo
pRá Lua
Anunciação
prenÚncio
cataClisma

boteCo
vira-Lata
cOcaleiro
marretA
mEia-lua
aluniZagem

terr
raR
azuLzinha
Infinito
viVente
Humano



Beto Palaio e Ianê Mello

5 comentários:

Beto Palaio disse...

O trabalho de edição é algo surpreendente... parabéns, amor

Beto Palaio disse...

...Além da sua criatividade no texto, é claro!

Ianê Mello disse...

Obrigada, mo.

Nós formamos uma dupla afinada...rs.

Bjbj.

Pistoleiro Corvo disse...

Meus sinceros parabéns, adorei tudo, principalmente essa parte

"lobO
uivaNdo
pRá Lua
Anunciação
prenÚncio
cataClisma"

Abraços!

Ianê Mello disse...

Corvo,

que bom que apreciou.
Obrigada pela presença.

Abraços.

Related Posts with Thumbnails