O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




sábado, 2 de outubro de 2010

PECADO E VENENO

















Minhas mãos têm o cheiro do pecado que eu inventei,
porém ainda não pequei..
O cheiro insano e profano, de um pecado mundano.

Meus olhos têm a cor do veneno que criei,
porém ainda não envenenei…
Não gritei, não alimentei, não puxei, não pulei.

Nada fiz eu!
Apenas cheguei: Anuí e, silente, admirei!


Samuel Vigiano

10 comentários:

Ianê Mello disse...

Samuel,

que bela participação. Gostei muito .

Belo e sensível poema.

Beijos.

Samuel Vigiano disse...

Querida Inaê,

Obrigado. Fico feliz que tenhas gostado...


Beijão

Marcelino disse...

O pecado está na intenção ("que eu inventei; que criei"); porém o poeta, ao final se redime:"Nada fiz eu". Esse é o veneno:anuir com as perigosas intenções.

Rodrigo Della Santina disse...

Boa pintura. De quem é?
Parabéns, Samuel, pelo poema: um "pecado", se me entende.
Grande abraço,

Andreia Hernandes disse...

Samuel,
Belíssimo poema.
De extrema sensibilidade...

Andreia

samuelvigiano disse...

Pois é Marcelino, "anuir com as perigosas intenções"... Veneno letal.
Abs

samuelvigiano disse...

Rodrigo,
Eu acho que a pintura se chama "Hands" de Shannon Obrien (não tenho certeza e também não sei quem é a artista)

Entendo sim, obrigado...
Abs

samuelvigiano disse...

Andrea,

Fico feliz que tenha gostado...
As vezes, "viajo" bastante em meus pensamentos e o resultado é, sempre, interessante...

Beijos

Ana Gaúcha _Professora disse...

O excesso de luz cega a vista.

VERDADE!!!

QUE LINDO!!!

A imagem__1 é SÁBIA!!!!

bjsssssssssss
BOMMMMMMMMMMMM
DIAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

Shuzy disse...

Eu também carrego em minhas mãos o cheiro de 'um pecado que ainda não pequei'... Um pecado que carrego pra lá e pra cá, como quem espera a hora certa de usar ¬¬

Related Posts with Thumbnails