O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Cântico de amor



Quando a alma canta
a espera se  faz  desnecessária
no compasso da valsa
o corpo dança docemente


Uma sensação de corpo inerte
solto no ir e vir das marés
de uma calma impossível
que nos leva ao amor em paz


Nessa paz que eleva a alma
e  nos remete à sonhos infindos
eternizando o amor terreno
em espiritualidade sublime


Adentramos os Nove Caminhos
Suspiramos em fontes altivas
Apenas nos deixamos levar
Pelo amor em doação ilimitada


Na água de fonte fecunda
mergulhamos nosso doce sonho
o Nirvana juntos alcançamos
quando corpos em completo abandono


Beijos de anjos ao luar
Uma cantilena de marés
Meu corpo nas bençãos
De seu corpo em devoção


No deleite do amor
a paz que se desvela
ouvimos sinos angelicais
sopros divinos ancestrais


Lugar de peregrinação sagrada
onde nossas almas se tocam
bebemos do cálice consentido
Santo Graal de nossos sonhos


Nossos corpos num enlace
Fluídos, fluídicos ... entregues
Somos um  e  somos unos
Nesse Universo Paralelo




Ianê Mello e Beto Palaio

9 comentários:

orvalho do ceu disse...

"...eternizando o amor terreno
em espiritualidade sublime"...
Olá,
Lindo o seu poema de amor!!!
Abraços fraternos

Ianê Mello disse...

Obrigada Orvalho deo Céu.

Seja bem vinda.

Bjs de Luz.

Paulo Francisco disse...

Texto bonito! gostei muito!!!!!

Ianê Mello disse...

Obrigada, Paulo
Um abrço.

Sandra Botelho disse...

Lindo poema de amor...Um versejar repleto de sentimentos.
Bjos achocolatados

Priscilla Marfori... disse...

Querida, escreves docemenete...
Estarei seguindo seu blog, segue o meu?
Grande abraço.

Ianê Mello disse...

Sandra,

fico feliz, querida, que tenha lhe agradado.

Retribuo os beijos.

Ianê Mello disse...

Priscilla,

obrigada por seguir-me.

Estou indo conhecê-lo e claro que a seguirei, querida.

Beijos.

Jairo Cerqueira disse...

Que dueto maravilhoso Ianê, a poesia agradece.
Parabéns aos dois.
Bj.

Related Posts with Thumbnails