O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




sábado, 16 de janeiro de 2010

Aparição Surreal

Vamos criar a partir da imagem? Quem quer começar?
Dêem asas à imaginação nessa bela pintura surrealista de Salvador Dali.





Na busca de minha alma transcender
Ainda uso os degraus da razão:
esquadros, polígonos... mas nenhum parecer
ocorreu-me às asas da imaginação


Quão surreal essa aparição
numa figura de mulher despida
tendo à sua volta a explicação
que foge aos domínios da razão pressentida


E próxima de ser tão frágil
A tua mão vento brisa
De astrolábio perdido nos sopros do mundo
Sudoeste da tua alma em viagem.






Poesia Interativa - Colaboradores (em ordem de postagem): Lara Amaral, Ianê Mello, Leonardo B.

5 comentários:

Ianê Mello disse...

Larinha,

muito bom o pontapé inicial.

Já prossegui...

Beijos.

Ianê Mello disse...

Leonardo,

que bom te ver por aqui.

Linda participação, amigo.

Que tal sugerir uma postagem?

;)

Grande beijo.

.Leonardo B. disse...

[aqui... de alma e coração!]

um imenso abraço

Leonardo B.

Isidro Jesus Cedrés González disse...

Amiga, un tema escabrozo; dificil encontrar el alma lejos de tí.
Tu alma siempre estará contigo.
Un abrazo.
Jecego.

Ianê Mello disse...

Isidro,

obrigada pela visita.

Volte sempre.

Um abraço.

Related Posts with Thumbnails