O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




sábado, 24 de julho de 2010

Mulher Nua

Vamos nos inspirar nesta bela imagem do pintor Degas e dialogar?



Pintura de Degas



Fito seu corpo nu
com doçura
Suas costas lisas,
sua pele branca e macia 
Seus cabelos castanhos


Você nem se apercebe
do meu olhar apaixonado
Ao desembaraçar seus cabelos levemente
Parece uma pintura
que meu olhar aprecia


Modelo perfeito
de formas curvilíneas e precisas
Fosse eu pintor neste momento
e a retrataria numa tela
com suaves tintas em cor pastel 


Suaves como as linhas
de seu corpo desnudo
Belo em sua pureza singular
Como uma virgem
que provoca ao olhar
 pensamentos  e desejos
que mal posso confessar.




Ianê Mello


... e a canção continua


Entro em teu dia e começo a sonhar,
já posso sentir tuas mãos carinhosas,
foram feitas somente pra me amar
beijo a tua silhueta majestosa!...

Nas águas salgadas do teu mar,
o sol doura tua pele dengosa!
A noite chega, recebo o teu luar,
sem demora mergulho em tua rosa!

Tudo faz sentido. Tenho o teu amor,
nele não há ônus e nem penhor!...
Soa a tua voz aos ouvidos... contagia!...

Quero ser feliz no teu litoral,
vieste pra mim na hora triunfal!
Tenho mais energia para o novo dia!...


Machado de Carlos


Publicado no Recanto das Letras
Código do texto: T2168201



A pele é mais
quando acariciada pelos cabelos
despenteados de paixão
eriçados

colho cada um e finjo
que não me observas

sou cada vez mais tocada
quando você me pinça
me tece
me desembaraça
em sua tela.


Lara Amaral




Diálogo Poético - Colaboradores: Ianê Mello( pintura e poema)-Machado de Carlos - (Soneto),Lara Amaral.



11 comentários:

Marta disse...

Porque o meu pensamento está algures...
Em ti, na brisa do dia que amanheceu...
Em como quero estar bonita quando me vires....
E o dia for totalmente nosso.....

Beijos e abraços
Marta

Solange disse...

penteio meus cabelos..
como faço todas as noites,
na esperança de que você venha embaraçá-los novamente...

bjs.Sol

Srtª Bêêh disse...

Todas as noites encontro-me em ternura, esperando pelo toque de seus lábios e o afago de tuas mãos...

Beijos!

Ianê Mello disse...

Obrigada pelaparticipação.Bjs.

Lara Amaral disse...

A pele é mais
quando acariciada pelos cabelos
despenteados de paixão
eriçados

colho cada um e finjo
que não me observas

sou cada vez mais tocada
quando vc me pinça
me tece
me desembaraça
em sua tela.

Lara Amaral

Manuel disse...

Com caricias suaves pintou em verso este magnifico desenho do Degas.
Aquelas curvas que apetecem estão suavemente acariciadas nos seus versos.

Ianê Mello disse...

Obriagada,Manuel,pelo comentário.Bjs.

El Bailaor disse...

Curvas, vales, ondas...
Vaidade
Onde quer que estejas
Que ao menos faças reparar
A lisura
De meus cabelos.

Abraços, Secretistas.

Ianê Mello disse...

Lara, já postei seu poema, querida.

Lindo!

Quando for assim poste direto, amiga.

Bjs.

Ianê Mello disse...

El Bailaor

Bem- vindo.

Um abraço.

Lara Amaral disse...

Tentei postar direto e desconfigurou tudo na visualização, aí preferi deixar aqui mesmo, com medo de estragar a postagem, rs.

Beijos, Ianê.

Related Posts with Thumbnails