O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




domingo, 9 de maio de 2010

Por que só as mães virtuosas são felizes?


A MULHER ENGOLIU A LUA
E FICOU PRENHA DE LUZ
EM UMA NOITE CONCEBIDA SEM PECADO.

AGORA,
ESTÁ PRESTES A PARIR UM ANJO

ANUNCIANDO DEUS

EM DOCES GOTAS DOURADAS DE MEL
QUE SE DERRAMAM
SOBRE SUA FACE...

Lou Albergaria

Poema feito para minha filha Isadora em dezembro/2000 aos 7 meses de gravidez.

3 comentários:

Mila disse...

Linda poesia...
Parabéns, bela escolha.
Bjs
Mila

Ianê Mello disse...

Lindo poema.

Delicado, suave...

Parabéns pelo dia de hoje.

Bjs

Lou Albergaria disse...

OBRIGADA Mila e Ianê!!!

As duas são muito delicadas e sensíveis...

UM SUPER BEIJO!!!

Só uma mulher pra saber o que é carregar um SER dentro de si mesma; que a levará muito além de si mesma...

Related Posts with Thumbnails