O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




quarta-feira, 30 de junho de 2010

Robotização do Ser / Fecundação





Homens de plástico
Homens elásticos
Homens sem cérebro
Homens sem emoção
Homens sem coração

Homens biônicos
Homens atômicos
Homens de lata
de sucata
de sobras e restos pelo chão

Homens que nada pensam
Nada dizem, nada querem
Controlados, robotizados
Homens castrados
Homens desumanos.



Ianê Mello



Fecundação



Vai anda e corre
Distinto
Moço espermatozóide

Acelera
Senão você morre
Faminto

Sem vez a tablóide
Persevera
Fica esperto na torre

Fecunda o asteróide
Absinto
Licor no céu em porre

Ejaculado debiloide
Te entrevera
Que a vida escorre



IVAN CEZAR





Diálogos Poéticos - Colaboradores: Ianê Mello( ilustração e poema), Ivan Cezar

11 comentários:

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Parabéns, Yanê. Vantagens e desvantagerns, mais desvantagens, dos tempos modernos. Homens robotizados, homens zumbis. Beijos

Helcio Maia disse...

Homens fabricados
homens estragados
homens machucados
homens abrigados
homens tragados
homens marcados...pela ambição!

Angel in the dark disse...

Homens que por de baixo
da lata se escondem
com medo de serem humanos!

Beijos
Angel

garoto cientista disse...

Meu anjo, que rebelião contra o ser humano, é uma pena que infelizmente eu concordo com você, o simples fato de saber que tudo poderia ser diferente se adotássemos posturas mais racionais, mais emotivas, menos egoístas e interesseiras, me deixa maluco. Abraços

Ianê Mello disse...

Obrigada à todos pela presença e comentários.
Voltem sempre.

Bjs.

Jairo Cerqueira disse...

Parabéns, Ianê.
Uma bela expressão de quem enxerga o machismo como uma forma medíocre de se deixar dominar sem admitir a fraqueza.
Lindo texto.
Bjs.

Cris disse...

Tem homem que é assim mesmo, robotizado, mandado mesmo, admirem aqueles que não o são. Beijos

IVANCEZAR disse...

Deixo , no propósito do diálogo, o meu poema FECUNDAÇÃO:


Fecundação


Vai anda e corre
Distinto
Moço espermatozóide

Acelera
Senão você morre
Faminto

Sem vez a tablóide
Persevera
Fica esperto na torre

Fecunda o asteróide
Absinto
Licor no céu em porre

Ejaculado debilóide
Te entrevera
Que a vida escorre

by IVAN CEZAR

jefhcardoso disse...

Ianê, obrigado por sua atenção! E quero congratular você e o Ivan por esta deliciosa construção.

Abraço e, espero que não suma de meu blog por eu temporariamente não estar colaborando com o Diálogos.

Abraço carinhoso do Jefhcardoso

Ianê Mello disse...

Jefh,

imagina, isso não existe.
Na verdade ando muito sem tempo e não muito bem de saúde, portanto não repare.

Você sempre será bem vinda de volta.

Grande beijo e obrigada pela colaboração que deu até agora.

Ianê Mello disse...

Imenso abraço à todos os amigos que por aqui passaram.

Bom domingo.

Related Posts with Thumbnails