O Equilíbrio da Vida (TAO)


O excesso de luz cega a vista.


O excesso de som ensurdece o ouvido.

Condimentos em demais estragam o gosto.

O ímpeto das paixões perturba o coração.

A cobiça do impossível destrói a ética.

Por isso, o sábio em sua alma

Determina a medida de cada coisa.

Todas as coisas visíveis lhe são apenas

Setas que apontam para o Invisível.



(Tao-Te King, Lao-Tsé)




quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Diálogo Poético: Ianê Mello e Joaquim Vale Cruz





POEMINHA DE CARNAVAL

Acabou o carnaval
em cinzas se transformou
despe tua fantasia
tira a máscara da falsa alegria
vem brincar de viver

Ianê Mello

***

O CARNAVAL DESTA VIDA


O carnaval desta vida
é uma mentira comprida
é uma ilusão mascarada
é uma mão cheia de sonhos
promete dias risonhos
e no fim…acaba em nada…

Mas há que remar com força
antes que a vontade torça
e acabe por se quebrar
afinal a vida é bela
vamos lá pugnar por ela
pois vale a pena lutar…

Joaquim Vale Cruz

(13.02.13)

*
Pintura de Carybé

5 comentários:

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
O Carnaval da vida é bem diferente pois é uma alegria sadia...
Bjm de paz e bem

Ianê Mello disse...

Com toda certeza, querida Orvalho do Céu. Grata por sua presença. Namastê!!! Bjs.

Isis Carvalho disse...

Legal aqui.
Belo texto.

Beijinho

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei o seu blog, estive a ler algumas coisas e posso dizer que é um blog fantástico,
com um bom conteúdo, dou-lhe os meus parabéns.
Se desejar faça uma vista ao Peregrino e sevo e deixe o seu comentário.
Sou António Batalha, do Peregrino E Servo.

poetaeusou . . . disse...

*
Amiga
,
Adorei
e
plagiando o Poeta:
Para tudo acabar na quarta-feira !
,
um mar de estima,
deixo,
*

Related Posts with Thumbnails